Lançamentos

11 de abril de 2015

Casa Daros, Rio de Janeiro

 

15 de agosto de 2015

Casa das Rosas, São Paulo

 

29 de setembro de 2016

ArtRio, Rio de Janeiro

23 de novembro de 2017

Le Consulat

Lisboa, Portugal

ver fotos das exposições de lançamento

 

Matérias

Obra do poeta Haroldo de Campos vira um múltiplo com 32 peças [Estadão]

 

As galáxias de Haroldo de Campos e Antonio Dias, 40 anos depois [O GLOBO]

 

Créditos

Editor associado | Leonel Kaz 

Acabamento | Maíra Atti e Laura Yanina

Encadernações | Palmarium

Assistentes | Erilma Leal e Julia Leite

Acrílico | Joana Angert  

Impressão | Studio Alfa e Zen Serigrafia

Letter press | Estúdio Baren  

Hotstamping | Valter Damião

Foam | Spumapaper

Espelhos | Artes e Ofícios 

Marcenaria | Eduardo Juannes

Caixa externa | Deusirene Francisco

Vídeo | Ana Bertazzo e Estudio Cru

Fotografias | Maurício Nahas

Tratamento de imagem | Orlando Lemos e Inês Coimbra

GALÁXIAS

Antonio Dias e Haroldo de Campos

Projeto desenvolvido por Antonio Dias junto com Haroldo de Campos (1929-2003) no começo da década de 1970, “galáxias” leva o mesmo nome do famoso livro-poema do poeta concretista. Mais de quarenta anos depois, o projeto ganhou a participação da designer Lucia Bertazzo em sua produção.

 

Com edição de 93 exemplares, e grande formato – 70cm x 50cm com 7cm de altura – “galáxias” é um estojo de fibra de vidro revestido em tecido.

 

Dentro do estojo encontram-se 32 objetos artísticos, agrupados e acondicionados em dez caixas de madeira impressa com peles, tema presente na obra do artista.

 

Esses objetos de arte – todos foram realizados manualmente – reveem a trajetória artística de Antonio Dias no período dos anos 1970. Livro de artista? Mais do que isso: uma instalação in the box!

 

A realização de “galáxias”, a cargo da UQ/ Aprazível Edições, demandou quatro anos de cuidadoso trabalho, com centenas de provas e protótipos, e grande diversidade de materiais empregados: tecido, acrílico, foam, plástico, algodão, pergaminho. As formas de impressão também variam entre fotogravura, tipografia, hot stamping, serigrafia e au pouchoir.

 

Coleções públicas

MAC (Coleção João Sattamini), Niterói 

MAM (Coleção Gilberto Chateaubriand), Rio de Janeiro

Pinacoteca, São Paulo

Daros, Zurich

MoMA, Nova York

©2019 UQ! editions e Aprazível Edições e Arte } Rio de Janeiro e Lisboa | Site Danowski Design